Faq – Tire suas dúvidas2018-11-12T08:19:37+00:00

F.A.Q.

TIRE SUAS DÚVIDAS

PERGUNTAS E RESPOSTAS

Qual carga devo utilizar?2018-11-08T09:39:26+00:00

Você recebeu no seu treino, na coluna “Esforço” uma indicação de 0 a 10. Essa indicação é uma escala que você usará ao final da série para avaliar a sua dificuldade para realiza-la dentro do número de repetições estabelecido.

Você deve fazer uma série de agachamento livre entre 8 e 12 repetições com a indicação 8 na coluna de “Esforço”. Para isso você usou 20kg de cada lado da barra. Ao final da série você fez 12 repetições e avaliou que seu esforço foi de 6. Significa que você deve aumentar um pouco a carga. Agora você usou 30kg de cada lado e fez 8 repetições com uma classificação de 8 na Escala de Esforço. ÓTIMO! Você cumpriu o número mínimo de repetições com a Percepção de Esforço indicada!

O ajuste do peso será na tentativa e erro, mas com essa ferramenta você conseguirá qualificar melhor a sua série.

Por que contratar o LIFT?2018-11-21T10:04:53+00:00

A grande maioria das pessoas se frustra quando busca uma academia por não receber a atenção que lhe foi prometida no momento de fechar o contrato. Existem vários motivos que levam a essa frustração, mas a sensação de não ser atendido e auxiliado da maneira que esperamos é horrível.

Já passei por isso em várias situações em outros locais e idealizei o LIFT com a intenção de dar a maior independência possível para você! Por meio do material de apoio ao seu treino e dos textos no Blog quero proporcionar a você conhecimento, senso crítico e autonomia dentro do salão da academia.

O meu objetivo principal com o LIFT é ajuda você a atingir os seus objetivos da forma mais eficiente, segura e independente possível. Minha intenção é te dar as ferramentas para que você se orgulhe dos seus avanços e saiba os porquês de cada detalhe do seu treino, quanto a mim, ajudarei você a entender os caminhos dessa caminhada.

O treino só é bom se eu sentir dor no dia seguinte?2018-11-19T11:05:11+00:00

Depende. A dor é um mecanismo de defesa do corpo. Essa sensação é ativada quando algo incomoda e tem potencial para criar uma lesão. Pancadas, cortes, queimaduras, inflamações são fatores que disparam a dor. Contudo, vamos pensar em 3 tipos de dores.

1 – É a dor que vou chamar de “Dura e residual”. Essa é aquela que sentimos um ou dois dias após o treino e você percebe ela bem profunda e insistente. Aquela dor incomoda seus movimentos. Uma dor “bem próxima aos ossos”. Se você sentir essa dor por alguns dias pode considerar uma visita ao seu ortopedista.

2 – Quando realizamos uma série mais longa ou series mais curtas mas com intervalos curtos entre elas, sentimos uma sensação de queimação e ardência localizada bem nos músculos que estamos utilizando. Essa dor vem da oclusão vascular que as contrações musculares promovem, aumentando a concentração de sangue no local e assim a redução do PH e aumento da acidose. Essa dor passa pouco tempo depois que você finaliza a série.

3 – DMIT – a famosa Dor Muscular de Início Tardio ou a Dor de Treino. Lembra que um dos efeitos do Treinamento de Força são as microlesões? Lembra também que lesões, inclusive as micro, geram processos inflamatórios? Então, o aumento da permeabilidade localizada e o aumento do fluxo sanguíneo no local podem desencadear um processo inflamatório e provocar um incômodo muscular.

Sabendo disso tudo, você vai entender que só porque você não ficou dolorido no dia seguinte o treino não foi bom. Não é porque a dor acabou que um músculo está 100% recuperado.

O que é cadência?2018-11-08T09:32:15+00:00

Cadência nada mais é que o ritmo no qual você deverá executar cada repetição de determinado exercício. Ela será expressa por uma sequência de 4 numerais, por exemplo, 4210. Imagine que você está fazendo uma repetição de supino reto. O “4” é o tempo em segundos que você vai levar para descer a barra no supino até perto do peito, essa descida da barra tem o nome de fase excêntrica, que nada mais é o momento em que você precisa fazer força para sustentar o peso. O primeiro “2” significa que você deve fazer uma isometria (parada) de 2 segundos no final da fase excêntrica, pois ele é a Transição entre as fases Excêntrica e Concêntrica. O número ‘’1’’ é o tempo que você deverá gastar na Fase Concêntrica, que é o momento que você precisa vencer a resistência do peso. Sendo assim, você deverá subir a barra em 1 segundo. O número “0” representa a transição entre as fases Concêntrica e Excêntrica, ou seja, ao chegar ao ponto mais alto você não deve fazer uma parada e sim iniciar uma nova fase Excêntrica.

Lucas, e se eu estiver fazendo uma puxada com cadência 4020? Nesse caso você deve baixar a barra em 2 segundos e subir em 4 segundos pois na puxada e na remada a ordem das fases Concêntrica e Excêntrica são invertidas.

Pra ficar ainda mais fácil, o primeiro número sempre será o tempo que você levará sustentando o peso, e o terceiro é o tempo que você vai empurrar ou puxar. Ficou mais claro assim?

O aquecimento deve ser feito na esteira?2018-11-19T11:12:09+00:00

Apenas se estiver especificado na sua Planilha de Treinos, do contrário o aquecimento é especifico para o grupo muscular que você vai treinar. Quando necessário encaminharei o link com vídeo sobre o aquecimento dinâmico que deverá ser executado antes das séries do aquecimento.

Durante a semana não consegui treinar nos dias que deveria. O que fazer?2018-11-19T11:03:54+00:00

Realize os treinos na mesma ordem e com os mesmos espaços entre eles descritos no planejamento inicial. Caso não seja possível entre em contato.

Devo treinar mais dias do que está planejado na minha prescrição?2018-11-20T10:58:19+00:00

Não, os estímulos são calculados de acordo com a rotina informada na anamnese. Treinar além do necessário é tão ruim quanto treinar a menos do que o prescrito, contudo, realizar caminhadas, pedalar, passear com cachorro e outras atividades de irão te fazer sentir bem devem ser realizadas sempre que possível!

Devo alongar antes ou depois do treino?2018-11-08T09:43:04+00:00

O alongamento traz inúmero benefícios ao seu músculo como melhora do ciclo alongamento-encurtamento, força, menor risco de lesões musculares dentre muitos outros. Uma das grandes discussões da Educação Física é QUANDO alongar. Com tudo que tenho lido sobre o assunto, adotei a seguinte indicação. ALONGAR O QUE NÃO FOI TREINADO. Se você treinou pernas, alongue os membros superiores, se treinou peitoral, alongue costas e pernas e por aí vai.

É uma forma de proteger a musculatura treinada. Quando treinamos provocamos microlesões nas fibras musculares. Essas “pequenas lesões” são parte importantíssima no processo de hipertrofia do músculo. É a partir delas que através de processos inflamatórios (aquela dorzinha no dia seguinte ao treino), desencadeiam processos hormonais, ativam as células satélites para reconstruir a fibra lesada, agora mais forte e maior, gerando assim o que chamamos de Super Compensação resultando na Hipertrofia.

Um ponto deve ser entendido aqui, só conseguimos mensurar o grau/tamanho dessas microlesões por exames. Ou seja, não vai rolar, né?

Alongar uma musculutura que acabou de sofrer microlesões das quais eu não conheço a extensão seria arriscar transformar essa microlesão em uma lesão.

– Lucas e se eu alongar antes?

Se você alongar antes, pequeno Padawan, você pode comprometer a geração de força e potência do músculo a ser treinado. Existe um ponto de alongamento ótimo que também não é fácil saber qual é. Pense no seu músculo como uma mola. Ela possui um comprimento natural e consegue gerar X energia. Se você estica-la além desse ponto o que acontece? Ela se deforma, não volta ao tamanho inicial e perde capacidade de gerar o mesmo X de energia, não é? Perder força antes de realizar um treino de força (musculação) não é uma coisa muito inteligente a se fazer. Concorda comigo?

Resumindo, alongamento é bom? É! Desde que feito na hora e de maneira segura. Pra ficar fácil é só pensar assim: Treinei costas, alongo peito e perna, se treinei perna, alongo peito e costas e por aí vai!

 

Conheça as diferentes pegadas. Neutra, Pronada e Supinada.2018-11-08T09:47:11+00:00

Como funciona?2018-11-21T10:07:19+00:00

Você deverá preencher o Questionário de Anamnese para que eu possa saber dos seus objetivos, limitações e entender melhor a sua rotina. Depois de ler e avaliar todas as nuances do seu histórico, vou criar um planejamento para o período relativo ao seu plano, dentro das suas possibilidades, nível de treinamento que já apresenta, para que você tenha o melhor resultado possível de forma que sua motivação se mantenha elevada a cada novo treino!

Enviarei o seu novo treino para o seu e-mail e/ou pelo whatsapp no número que você me informar, além disso você receberá um arquivo de apoio para tirar as principais dúvidas sobre os exercícios que constam no seu treino, um contato de whatsapp para resolução de dúvidas deixando você o mais independente possível dentro da academia.

A duração dos planos varia em 1,3 e 6 meses e esse é o tempo que estarei disponível para tirar as suas dúvidas (dias e horários comerciais) tanto no e-mail —-@lucasvieirapersonaltrainer.com.br ou via whatsapp.

Como fazer a melhor escolha do seu Plano?2018-11-20T10:54:22+00:00

Os planos LIFT tem durações de 1, 3 ou 6 meses.

Planos com maiores duração possibilitam que o acompanhamento seja feito de forma cada vez mais estreita e aproximada, por se tratar de um período maior de tempo é possível, por exemplo,  realizarmos conversas via chamada de vídeo, análises da execução dos exercícios por videos enviados pelo aluno.

Para escolher melhor o seu plano fique atento aos benefícios exclusivos de cada um deles e decida por aquele que melhor atende as suas necessidades. Lembre-se que quanto mais próximo o acompanhamento mais perto estamos de alcançar os nossos objetivos!

Como comprar pelo site?2018-11-19T11:39:54+00:00

Basta ir a seção de PLANOS escolher o que melhor te atender e efetuar o pagamento Via PagSeguro.

Não se esqueça de preencher a o Formulário de Anamnese para que eu possa saber sobre sua rotina, objetivo e limitações. Essas informações são de extrema importância para sua prescrição ser a melhor possível. Preencha todos os campos com a maior riqueza de informação possível.

Assim que este formulário for recebido em até 48 horas você receberá o seu novo treino!

As puxadas podem ser realizadas na Barra Fixa2018-11-19T11:13:00+00:00

Sim, desde que você as faça da forma como foram prescritas no treino.

ESCOLHA SEU PLANO E VENHA TREINAR COMIGO